Living The Life Without Labels

Símbolos do Cristianismo – Parte 1: A cruz

O símbolo mais reconhecido do cristianismo é sem dúvida a cruz, que pode apresentar uma grande variedade de formas de acordo com a denominação: crucifixo para os católicos, a cruz de oito braços para os ortodoxos e uma simples cruz para os protestantes evangélicos.

Vamos então conhecer as formas e significados de alguns tipos de cruzes.


Cruz Alfa e Ômega

Esta cruz latina é combinada com a primeira e última letra do alfabeto grego, que nos lembram que, apesar de Jesus ter morrido por nossos pecados numa cruz, ele reina em gloria para sempre.


Cruz Âncora

Simboliza esperança dos cristãos em Cristo. Esta cruz também foi emblema de São Clemente, Bispo de Roma, que de acordo com a tradição foi amarrado numa âncora e lançado ao mar pelo imperador Trajano.

Cruz de Alça

É uma cruz em estilo hieróglifo egípcio que representa a regeneração e a vida eterna.

Cruz Batismal

Cruz grega sobreposta sobre a primeira letra do nome Cristo em língua grega X, (pronuncia-se qui). Ela forma a cruz com oito braços. O número oito é símbolo do renascimento e da regeneração, por isso, esta cruz é usada como cruz batismal.

Cruz Trevo

Esta cruz é amplamente usada. Nas pontas dos seus braços ela tem um desenho parecido com um trevo. Por isso ela nos lembra a Santíssima Trindade.

Cruz Bizantina

A cruz bizantina é geralmente usada pela igreja Ortodoxa Grega.

Cruz do Calvário

Esta cruz latina está firmado sobre três degraus, que representam a subida de Jesus ao Calvário. Podem também simbolizar a fé, a esperança e o amor.

Cruz Celta ou Irlandesa

Cruz antiga, usada pelos cristãos na Grã Bretanha e na Irlanda.

Cruz da Conquista e da Vitória

Esta cruz grega é complementada com a primeira e a última letra do nome de Jesus em grego (IC), a primeira e última letra do nome Cristo em grego (XC), e a palavra grega para vitória (NIKA). Os traços sobre as letras indicam que elas são abreviações.

Cruz Quadriculada

Esta cruz ornamental, formada por quatro pequenas cruzes, representa a expansão do evangelho para os quatro cantos da terra. Ela repousa sobre uma grade que forma outras quatro cruzes.

Cruz da Páscoa

Esta forma de cruz foi primeiramente usada na Igreja Ortodoxa Russa. O braço superior representa a inscrição abreviada “INRI”, que Pilatos colocou sobre a cabeça de Jesus. O significado do braço inclinado inferior é dúbio. Há um tradição que diz que as pernas de Jesus não eram de tamanho igual. Uma outra tradição diz que o terremoto que veio durante a sua crucificação é que causou a inclinação deste braço. E ainda uma outra explicação, relaciona este braço inclinado à cruz a Santo André.

Cruz da Batalha

Esta cruz nos lembra a muralha de um forte ou de um castelo. Ela pode ser usada como símbolo da igreja militante, a igreja que está em luta, em oposição à igreja triunfante, formada por aqueles que já passaram pela luta e estão com o Senhor.

Cruz Fleuri

Esta é uma cruz decorativa. Os braços desta cruz terminam em pétalas, que nos lembram a Trindade.

Cruz Flor de Lis

Muito semelhante a cruz fleuri, esta cruz é uma lembrança da Trindade e da ressurreição.

Cruz Grega

Esta é uma cruz antiga, que tem quatro braços iguais.

Cruz Iônica

Esta é a cruz adotada por São Columba, que no ano de 563 fundou um mosteiro na ilha de Iona, região da Escócia.

Cruz de Jerusalém ou cruz das Cruzadas

Este conjunto de cruzes é composto por uma cruz central formada por quatro cruzes “tau” (veja abaixo) que representa a lei do Antigo Testamento. As quatro pequenas cruzes gregas representam o cumprimento desta lei no evangelho de Cristo. Outros vêem neste conjunto, um símbolo da obra missionária da igreja – expandindo o evangelho para os quatros cantos da terra. Ainda há outros que entendem que estas cinco cruzes representam as cinco feridas de Jesus na cruz (mãos, pés e o lado). Este modelo de cruz foi usado pelo rei Godofredo de Bulhão, o primeiro rei cristão em Jerusalém. Esta cruz foi incorporada nas campanhas da cruzadas.

Cruz Latina

É a mais comum de todas as cruzes. Ela era um instrumento de condenação à morte nos tempos de Jesus. Ela nos lembra o supremo sacrifício que Jesus ofereceu pelos pecados de todo mundo. Tradicionalmente ela simboliza a crucificação, no entanto, como é totalmente vazia, também nos lembra a ressurreição e a esperança da vida eterna.

Cruz de Malta

Esta cruz é formada por quatro pontas que apontam para o centro e oito pontas externas que simbolizam a regeneração. Esta cruz foi emblema dos Cavaleiros de São João, que foram levados pelos turcos de Rodes para ilha de Malta. Na ilha de Malta o apóstolo Paulo naufragou.


Cruz Natalina

Esta cruz tem a forma de estrela, que nos lembra a história do nascimento de Jesus e o anúncio do propósito para o qual ele veio.

Cruz da Paixão

Esta é uma cruz latina que tem as extremidades pontiagudas. Ela representa o sofrimento de Cristo na sua crucificação.

Cruz Pateé

Esta é uma cruz grega, que tem o centro estreito e os braços curvos para fora. Muitas vezes é confundida com a cruz Malta.

Cruz Patriarcal

Esta é uma cruz eclesiástica. Ela aparece nas obras de arte, carregada pelos patriarcas. O braço superior representa a inscrição colocada por Pilatos na cruz de Jesus.

Cruz Pomée

Os botões nas extremidades desta cruz, parecidos com maçãs, representam os frutos da vida cristã. Em tempos primitivos, botões semelhantes eram usados em cajados de pastores como um símbolo de autoridade.

Cruz de Santo André

De acordo com a tradição, Santo André sentiu-se indigno ser crucificado como o seu Senhor. Desta forma, ele suplicou que a sua cruz fosse diferente. Ela é um símbolo da humildade e do sofrimento.

Cruz Tau

Esta cruz é formada pela letra grega “T”, é a mais simples de todas as cruzes. Tradicionalmente ela representa o sinal de sangue de cordeiro, usado pelos israelitas sobre as portas na noite de Páscoa, antes da saída do Egito. Ela também representa a haste usada por Moisés para levantar a serpente no deserto. Desta forma ela é a cruz da profecia, ou a cruz do Antigo Testamento.

Cruz Triunfante

Esta cruz simboliza o triunfo final e o reino de Cristo sobre todo mundo. Na arte cristã, esta cruz é usada no topo do cetro de Jesus para mostrar seu reino em glória.


Fonte: http://www.ielb.org.br

About these ads

Uma resposta

  1. Maciel

    Em primeiro lugar dizêr-lhe que se esquecêu da Cruz de Portugal mais conhecida por Cruz de Cristo(Encarnado ) que as Caravelas levavam nas velas e Cruz Ancestral da Ordem de Cristo , a mais antiga e Nobre da História do Planêta . Em segundo , a Cruz a que chama de “cruz de Lis! , não é .
    Essa é a mui Nobre Cruz de Avis(Vêrde) , Armas da Dinastia de Avis em Portugal , Cruz do Santo Condestável . As duas , com a da Ordem de Santiago (Violêta) , perfazem as 3 Ordens de Portugal .

    31/05/2011 às 13:57

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 367 outros seguidores